‘Vamos ser revolução’: Então, Brilha! tem manifesto contra Zema e Polícia Militar

Desfile do bloco ficou marcado pelo discurso político de seus integrantes

Bloco foi marcado por protestos políticos contra o governador Romeu Zema (foto: Leandro Couri/EM)

O desfile do ‘Então, Brilha!’ marcou oficialmente a abertura do Carnaval 2020, na manhã deste sábado, no Centro de Belo Horizonte. Em tom de protesto, o bloco fez duras críticas ao governador Romeu Zema (Novo) e também à Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG).

Zema e as autoridades foram bastante criticados por conta da proibição de circulação de trio elétricos, por questão de segurança, o que levou à desistência de alguns, como o Juventude Bronzeada.
Em um discurso potente e inflamado, Jasão, um dos fundadores do bloco, criticou a ação adotada pelas autoridades e prometeu resistência. “Ninguém vai atrapalhar nossa passagem, nem que eles quisessem. Nossa primeira explosão vai para os blocos que não saíram. Não aceitamos profetas intolerantes vestidos de farda querendo regular nossos corpos, nossa libido. Vamos ser revolução”, ponderou Jasão.
As críticas ao governador não pararam por aí. No alto do trio, o porta-voz do bloco Filhos de Tchatcha leu um manifesto contra Zema e o chamou de ‘vacilão’ e ‘incompetente’.
“Construímos este carnaval na marra. Há 10 anos enfrentamos o prefeito e hoje enfrentamos o Zema. Fora Zema! Ele exigiu um documento, para os blocos que só se encontra em São Paulo!”, falou Rafael.
O coro de ‘Fora Zema!’ puxado pelo integrante do bloco também foi entoado pela multidão. Nas ruas, faixas foram vistas ironizando a atuação do governador no impasse instalado com a proibição dos trios elétricos considerados irregulares pela Polícia Militar.

Entenda

A Polícia Militar apreendeu dois caminhões-palco durante cortejos de blocos no último final de semana. O motivo dado pelas autoridades foi a falta do Certificado de Adequação a Legislação de Trânsito (CAT), que mostra as adaptações feitas no veículo para que ele se tornasse um trio elétrico.
Sem tempo viável para se adequar à exigência, muitos blocos, como o Juventude Bronzeada, foram prejudicados pela ação das autoridades.
Fonte: Portal Uai
Comentários

Deixe uma resposta