Apego ideológico de Bolsonaro e Guedes retardou renda emergencial
Cerimonia de posse do presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Gustavo Montezano. Montezano defendeu o alinhamento “total” da nova direção do banco com o governo federal, afirmou que a instituição buscará ajudar nos processos de desestatização, abrirá sua “caixa-preta” (promessa de campanha do presidente) e devolverá recursos ao Tesouro Nacional. Brasilia, 16-07-2019. Foto: Sérgio Lima/PODER 360

Apego ideológico de Bolsonaro e Guedes retardou renda emergencial

Má vontade com socorro a informais na pandemia de coronavírus foi exposta pelo líder do Banco do Brasil O pagamento de uma renda emergencial a trabalhadores informais na pandemia de…

0 Comentários