Brasil ultrapassa a marca de 60 mil mortos por coronavírus

País contabiliza mais de 1,4 milhão de casos, com 1.038 óbitos e mais de 46 mil contaminações nas últimas 24 horas

Foto: Paraíba Online

O Brasil ultrapassou a marca de 60 mil mortos por coronavírus (60.632), nesta quarta-feira 1. A informação é do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), que contabiliza 1.448.753 de casos confirmados. Nas últimas 24 horas, o órgão registrou 1.038 óbitos e 46.712 contaminações.

Os brasileiros estão em 2º lugar nos rankings de mortes e de infectados por covid-19, de acordo com a Universidade Johns Hopkins. A liderança é dos Estados Unidos, com mais de 127 mil óbitos e 2,6 milhões de contaminados.

São Paulo é o estado mais afetado e acaba de ultrapassar 15 mil mortes (15.030), com 289.935 diagnosticados.

Apesar do crescimento dos índices de vítimas fatais, o governador João Doria (PSDB) afirmou que o estado está muito próximo de atingir o “platô”. As autoridades estaduais já preparam a retomada de atividades, como a volta às aulas nas instituições de ensino infantil, fundamental e superior, prevista para 8 de setembro.

O Rio de Janeiro vem atrás de São Paulo, com 10.198 mortes e 115.278 contaminados. Depois, vem o Ceará, com 6.180 falecimentos e 113.017 casos confirmados.

Indices de mortes pelo Covid-19 no Brasil em Junho. Foto: G1

Até hoje, o governo federal ainda não anunciou um chefe definitivo para o Ministério da Saúde. Após a saída de Nelson Teich, em 15 de maio, o comando da pasta é do ministro interino Eduardo Pazuello, general das Forças Armadas.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), uma vacina testada no Brasil é a melhor candidata para combater a doença. A fórmula está em fase de testes e é desenvolvida pela Universidade de Oxford, em parceria com a biofarmacêutica britânica AstraZeneca.

Fonte: Carta Capital

Comentários

Deixe uma resposta