Temer corta programas sociais para garantir subsídios
Foto: Esquerda Diário

Temer corta programas sociais para garantir subsídios

Temer cortará 16 programas sociais para garantir subsídios aos patrões do transporte

Para garantir a diminuição do diesel, entre outras demandas levantadas pela patronal do transporte de cargas durante a mobilização dos caminhoneiros, Temer irá atacar frontalmente programas sociais que afetam a vida de diversos setores oprimidos da população.

1. Políticas Públicas de Juventude

Todos os dias 63 jovens negros morrem no Brasil, fruto de políticas repressivas utilizadas pelo Estado contra a população jovem periférica. A intervenção federal no Rio abriu espaço para ainda mais matança, mascarada com o falso propósito de “guerra às drogas e ao crime organizado”. Em 2017, 1 a cada 4 jovens iam abandonar os estudos, ficando totalmente vulneráveis e marginalizados. A população carcerária do Brasil é 56% de jovens, mostrando a falência do Estado e do capitalismo, que reserva pra juventude um conjunto de ataques e uma vida de misérias. Nesse cenário, Temer corta o programa que atende essa juventude, para agradar os patrões do transporte de cargas.

(mais…)

0 Comentários
Greve dos caminhoneiros vái além dos R$0,46
Foto: Blog do caminhoneiro

Greve dos caminhoneiros vái além dos R$0,46

Reportagem exclusiva

Caminhoneiros autônomos são reféns das grandes transportadoras e das confederações de transporte

Foto: Nilton Cardin

 

“Caminhoneiros autônomos são reféns das grandes transportadoras e das grandes confederações do transporte”, afirma Antônio Vander, presidente da Federação dos Caminhoneiros Autônomos de Cargas e bens do estado de Minas Gerais – FETAC/MG e do Sindicato de Transportadores Autônomos de Cargas de Minas Gerais – SINDTAC/MG.

Em entrevista dada ao Planeta MG, Antônio mostrou os dados que mostram que os sindicatos dos caminhoneiros vêm tentando desde 2003 conseguirem melhorias para a categoria e que tem sido entregues a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos – CNTA e Confederação Nacional do Transporte – CNT. As pautas apresentadas tempestivamente desde 2010, particularmente, são idênticas as mesmas exigidas pelo Movimento dos Caminhoneiros, que hoje (30) entra no seu 10º dia de paralisação.

(mais…)

0 Comentários