Bolsonaro mantém ministro indiciado pela PF no escândalo do laranjal

Após o indiciamento pela Polícia Federal (PF) do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, sob suspeita de envolvimento no esquema de laranjas do PSL, parlamentares no Congresso Nacional disseram nesta sexta-feira (4) que está ficando comprovado que o ministro comandou o esquema de desvio de recursos públicos por meio de candidaturas femininas de fachada nas eleições de 2018.

Foto: Pedro Ladeira/Folha

“E agora, Bolsonaro, vai continuar dando abrigo ao laranjal? Vai, né?! Afinal, na escola do ministro sua família dá aula”, disse no Twitter o deputado Orlando Silva (PCdoB-SP).

“Laranjal: Polícia Federal atesta que o partido da família Bolsonaro é um laranjal”, escreveu o deputado Paulo Teixeira (PT-SP) em suas redes sociais. Já para Carlos Zarattini (PT-SP), o ministro precisa ser afastado. “Não tem como escapar. Ministro do PSL indiciado pelo laranjal de Minas. Ele tem que ser afastado já”.

“O ministro do Turismo é indiciado pela PF pelo laranjal do PSL. Bolsonaro vai continuar segurando seu ministro? Ou, se espremer mais, outras laranjas cairão?”, ironizou o líder da Oposição na Câmara, deputado Alessandro Molon (PSB-RJ).

Também no Twitter, a presidenta nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR) enfatizou que “Bolsonaro amanheceu com o ministro do Turismo indiciado pela PF no esquema do laranjal do PSL”. E completou: “Marcelo é suspeito de desvio de dinheiro público com candidaturas de fachada e está sendo poupado pelo chefe”.

“O governo mais corrupto da história. Elegeu-se com fake news e laranjal do PSL financiado por caixa 2, governa perseguindo quem investiga a ligação do presidente e sua família com as milícias, desmonta a PF e aparelha a PGR para evitar o combate à corrupção”, afirmou o deputado Jorge Solla (PT-BA), em sua conta no Twitter.

Para Nilto Tatto (PT-SP), cedo ou tarde a Lava jato e Bolsonaro irão ruir. “A Lava Jato e o “Bozofascismo” foram construídos na areia e cedo ou tarde irão ruir. Notícias de que o auditor que fez uma devassa e multou absurdamente o Instituto Lula foi preso por lavagem de dinheiro dividem espaço no noticiário com o laranjal do PSL”.

Fonte: vermelho.org

Comentários

Deixe uma resposta