“E até hoje, sonegação fiscal por parte dos ricos, e abandono da população empobrecida continuam imexíveis” – Foto: Akemi Nitahara / Agência Brasil

Comentários

Deixe uma resposta