#8M: nenhuma de nós a menos!

Logo após o Carnaval, no dia 8 de março, acontecerão atos em várias cidades do País, como parte do Dia Internacional da Mulher. Nos últimos anos, as mulheres foram vanguarda de lutas importantes no Brasil e no mundo.

Foto: Reprodução da internet

No ano passado, foram às ruas pela legalização do aborto, contra o avanço do conservadorismo e para dizer #EleNão a Bolsonaro. Em vários países, construíram uma greve internacional de mulheres. Esse ano, prometem mostrar novamente toda a força já demonstrada desde a organização dos atos, construídos de forma unitária com a participação de diversos coletivos, movimentos sociais e organizações de esquerda.

As mulheres levantarão bandeiras como ‘pela vida das mulheres, por justiça para Marielle, por democracia e direitos, contra Bolsonaro e a Reforma da Previdência’ e pela liberdade de Lula.

Minas Gerais

Belo Horizonte – 17h, na Praça da Estação;

Belo Horizonte – 17h30 na Praça Raul Soares;

Belo Horizonte – 18h na Praça Sete;

Uberlândia – 16h, na Praça Ismene Mendes

Quer conhecer algumas músicas que serão cantadas nos atos? Confere Aqui!

8 de março: aprenda as músicas dos atos

Participe da nossa cobertura colaborativa no 8 de março. Se inscreva Aqui!

8 de março: participe da nossa cobertura colaborativa

Participe mandando suas fotos e vídeos.

Fonte: Esquerda Online

Comentários

Deixe uma resposta